Nossos Pilotos Falam: Treinos Qualificatórios para a Indy500

terça-feira, 12 de maio de 2009

Hélio Castroneves (Pole Position – Penske)
"Só de estar aqui agora é incrível. Tenho de dizer que sem esta multidão aqui, sem o apoio dos fãs, não havia nenhuma maneira que eu poderia chegar através do que eu fiz." (Sobre abortar a sua volta de qualificação): "Sim, foi uma aposta, um grande jogo. Mas teve uma chance. Mas agora que nós estamos na pole, que é onde todos queriam estar



Ryan Briscoe (2º Colocado – Penske)

"Eu pensei que conseguiria a pole e nós tentamos. Sabíamos que tínhamos velocidade e eu estava confiante de que eu estava rápido o suficiente para garantir a pole. Mas não funcionou, acho que a pista ficou mais rápida. A Pesnke nos deu um carro muito bom, fomos rápidos em todos os treinos.E Hélio mostrou em uma volta fantástica o quanto o carro é bom. Ele deve estar no topo do mundo no momento. Mas para mim, o segundo lugar na Indy 500, segundo na primeira fila em uma linha, é um grande sentimento, e eu estou tão feliz por estar aqui. Eu sei que tenho um bom carro indo para esta corrida em um par de semanas, e eu só espero que possamos ter um bom ritmo de corrida, estar na frente durante todo o dia e tem um tiro um vencedor para a Indy-500. "

Dario Franchitti (3º Colocado – Chip Ganassi)
"Estou um pouco decepcionado por não ter conseguido a pole. Ainda bem que ainda estamos na primeira fila. Nós fizemos o melhor que tínhamos no carro. Todo mundo aqui quer vencer a Penske, mas você está lutando contra a AGR, depois a Newman / Haas / Lanigan. Existem mais e mais equipas fortes. O nível da concorrência está ficando cada vez alto. É ótimo para os fãs. Sabíamos que não tínhamos velocidade suficiente para a pole. Estávamos realmente preocupados se alguém nos tiraria da primeira fila. Andamos sempre no limite para nos garantirmos. Foi um longo dia. "

Graham Rahal (4º Colocado – Newman Hass Lanigan)
"Nós tivemos os nossos altos e baixos, esta semana, mas este foi um bom final de semana para nosso carro. Sabíamos que antes (na primeira tentativa qualificada) não tinha um bom carro para andar por fora, e provavelmente ainda há um pequeno espaço para conseguir; houve algumas coisas que nós sentimos que precisávamos melhorar. Além disso, tive problemas com o câmbio e a equipe precisou trocar todo ele. Eles fizeram um ótimo trabalho, tudo tão rapidamente, e eu era capaz de colocar o carro na segunda fila. Eu prefiro começar a partir do lado de dentro da segunda fila do que o lado de fora da primeira fila, por isso estou bastante satisfeito com a forma como o dia terminou para a equipe. "

Scott Dixon (5º Colocado – Chip Ganassi)
"Foi um dia um pouco frustrante, mas não foi terrível. O carro foi coerente, porque simplesmente não têm a velocidade. Nós sabemos que tudo pode acontecer aqui. A pole lhe dá vários direitos por uma par de semanas. Fizemos ela no ano passado, mas este foi um dia difícil para nós. Eles (Team Penske), estão um pouco à frente de nós. Têm sido desde o primeiro dia. A corrida vai ser diferente, essa é a única que tem uma premiação diferente. Nossa primeira tentativa não foi muito boa. Melhorou depois, mas temos de vencer o (Graham) Rahal. "

Tony Kanaan (6º Colocado – Andretti Green)
Ontem à tarde (sexta-feira), nós descobrimos que o carro não era rápido o suficiente, e nós não sabemos por que razão, então nós decidimos mudar tudo. Mudamos motores, câmbio, chassis e conseguimos ser 2 milhas mais rápidos. Qual era o problema? Nós não sabemos. Nós vamos descobrir na próxima semana e tentar ver o que realmente saiu errado com o carro. Tenho de agradecer a todos os meus rapazes por seu esforço em colocar este carro na pista. Custe o que custar: Estamos indo para nunca desistir, especialmente para este lugar. Você realmente só precisa de um bom dia aqui, e não é de hoje. É Indianápolis, todo o drama e tudo, é muito imprevisível. Hoje é realmente apenas o começo. Existem tantas coisas que podem acontecer entre agora e 24 de maio de modo que não há razão para ser feliz ou chateado agora. Tenho de agradecer à IndyCar para fazer-me um favor, porque eu não acho que eu teria ido para fora outra vez. Acho que estou ficando velho demais para isso, por isso estou não ir para lá novamente. Estamos muito satisfeitos. Estar dentro do Qualifying do primeiro dia para nós, neste momento, era quase um milagre para nós. Na noite passada eu vi (meu filho) no computador e quando eu abri a porta fechada ele disse, "Papai, vamos rápido." Eu tentei. Fui mais rápido do que eu fui ontem, com certeza. "

Mário Moraes (7º colocado – KV Racing)
"A equipe fez um excelente trabalho. Deixaram os carros iguais. Só fiz a minha parte do trabalho, apenas a pilotagem, e consegui achar o caminho durante o treino livre. Para a minha segunda vez aqui, eu acho era muito bom. "






Raphael Matos (12º colocado – Luczo Dragon)
"As condições estavam muito difíceis hoje. Temos de ter muito cuidado com o muito com a configuração aerodinâmica. Fomos capazes de fazer um bom acerto, e esperamos que ser suficiente. É muito difícil. O carro é bastante equilibrado. É muito consistente. Gostaria muito de ser o novato da corrida. Eu ficaria muito feliz. Acho que temos um grande carro. "




Vítor Meira (14º colocado – AJ Foyt Enterprises)
"A principal coisa foi ficando o suspense de hoje. Esse é mais importante do que a posição que você qualificados para hoje. Se estamos na corrida, não temos que se preocupar com mais isso. Podemos começar a trabalhar sobre o equilíbrio do carro. O tempo foi melhor hoje e que ajudou, mas também fez uma série de mudanças que fizemos. Voltamos para um acerto mais básico, e ele funcionou. Nós temos a velocidade que estávamos procurando num dia como este, mas ontem é que realmente queria estar. A nossa posição inicial estava em segundo plano para a prioridade de ficar qualificado hoje. Agora temos uma semana inteira para pensar sobre a corrida. "

Comments

2 Responses to “Nossos Pilotos Falam: Treinos Qualificatórios para a Indy500”
Post a Comment | Postar comentários (Atom)

Bruna disse...

Uma curiosidade: rola entre os Twitters do Tony, do Marco e do Mário umas implicâncias deles com o último devido a semelhança dele com um dos Jonas Brothers lol

13 de maio de 2009 00:12
Ron Groo disse...

Ninguém merece se parecer com os Jonas Brothers, hahaha...

As expectativas vão subindo.

13 de maio de 2009 15:22

Postar um comentário

Gostou do Blog da Fórmula Indy?
Deixe seu comentário e ajude a incentivar a Autosfera Brasileira!
I am Indy!