Bump Day: Bruno Junqueira garante vaga mas é Alex Tagliani que pilotará o carro #36 da Conquest

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Olá amigos da velocidade, olá amigos da Fórmula Indy.
Ontem aconteceu o Bump Day, a última chance para os pilotos que ainda não tinham garantido vaga no grid para conseguir tal feito. No último post, eu informei erradamente que apenas os últimos colocados do grid até então correriam risco de perder suas posições. Mas eu estava enganado, porque mais pilotos podem voltar a pista e com isso podem melhorar seus tempos.

O esquema do Bump Day é assim: cada piloto não-qualificado nos 3 treinos oficiais, tem três tentativas para garantir uma vaga no grid de largada para . Enquanto isso, cada piloto já classificado pode utilizar os períodos em que a pista estiver vazia para testar e encontrar melhores acertos para seus carros.
No warm up, que foi realizado ontem pela manhã, a venezuelana Milka Duno foi a mais rápida, comprovando que as condições climáticas estavam bem melhores do que a dos treinos oficiais anteriores:
1º. Milka Duno (VEN/Dreyer & Reinbold), 40s6163
2º. EJ Viso (VEN/HVM), 40s7508
3º. Nelson Philippe (FRA/HVM), 40s7804
4º. Bruno Junqueira (BRA/Conquest), 40s8769
5º. Buddy Lazier (EUA/Hemelgarn), 40s9523
6º. Stanton Barrett (EUA/3G), 40s9841
7º. Sarah Fisher (EUA/Fisher), 41s2069
8º. Dan Wheldon (ING/Panther), 41s3790

Com isso, Bruno Junqueira (Conquest) tinha conseguido a 30ª posição no grid. Como John Andretti, Ryan Hunter Reay, Mike Conway, EJ Viso e Milka Duno melhoram seus tempos, Tagliani já tinha caído para a última colocação do grid, até que os dois primeiros desta lista melhoram seus tempos nos últimos instantes do treino. Assim o canadense fica de fora, juntamente com Buddy Lazier e Stanton Barrett. Mas, instantes após o final do Bump Day, Eric Bachelart, dono da equipe Conquest, afirmou que Tagliani pilotaria o carro de Bruno nas 500 milhas de Indianápolis.
Este fato é permitido porque nas 500 milhas, não é o piloto que garante seu lugar no grid e sim o carro o qual ele pilota. Então como o carro #36 está garantido, qualquer piloto poderá pilotá-lo. E esta foi a mudança promovida pela Conquest. Bachelart afirmou que fez a mudança, porque Tagliani é o piloto oficial da equipe para esta temporada. Bruno Junqueira afirmou que sabia que essa situação poderia ocorrer e que a preferência seria dada ao piloto canadense.
Assim o grid para a 93ª 500 Milhas de Indianápolis está definido e ficou assim:

1ª Fila
1º. Helio Castroneves (BRA/Penske), 2min40s0967
2º. Ryan Briscoe (AUS/Penske), a 0s523
3º. Dario Franchitti (ESC/Ganassi), a 0s610
2ª Fila
4º. Graham Rahal (EUA/Newman-Haas-Lanigan), a 0s650
5º. Scott Dixon (NZL/Ganassi), a 0s713
6º. Tony Kanaan (BRA/Andretti Green), a 0s896
3ª fila
7º. Mário Moraes (BRA/KV), a 1s028
8º. Marco Andretti (EUA/Andretti Green), a 1s099
9º. Will Power (AUS/Penske), a 1s255

4ª fila
10º. Danica Patrick (EUA/Andretti Green), a 1s258
11º. Alex Lloyd (ING/Ganassi-Sam Schmidt), a 1s299
12º. Raphael Matos (BRA/Luczo Dragon), a 1s318
5ª fila
13º. Paul Tracy (CAN/KV), a 1s408
14º. Vitor Meira (BRA/Foyt), a 1s424
15º. Justin Wilson (ING/Coyne), a 1s479
6ª fila
16º. Hideki Mutoh (JAP/Andretti Green), a 1s497
17º. Ed Carpenter (EUA/Vision), a 1s500
18º. Dan Wheldon (ING/Panther), a 1s612

7ª fila
19º. AJ Foyt IV (EUA/Foyt), a 1s639
20º. Scott Sharp (EUA/Panther), a 1s947
21º. Sarah Fisher (EUA/Sarah Fisher), a 2s005
8ª fila
22º. Davey Hamilton (EUA/Dreyer & Reinbold), a 2s097
23º. Robert Doornbos (HOL/Newman-Haas-Lanigan), a 2s291
24º. Townsend Bell (EUA/KV), a 2s655

9ª fila
25º. Oriol Servià (ESP/Rahal Letterman), a 2s811
26º. Tomas Scheckter (AFS/Coyne), a 2s434
27º. Mike Conway (ING/Dreyer & Reinbold), a 2s492

10ª fila
28º. John Andretti (EUA/Dreyer & Reinbold), a 2s567
29º. EJ Viso (VEN/HVM), a 2s678
30º. Bruno Junqueira (BRA/Conquest), a 2s714

11ª fila
31º. Milka Duno (VEN/Dreyer & Reinbold), a 2s721
32º. Nelson Philippe (FRA/HVM), a 2s981
33º. Ryan Hunter-Reay (EUA/Vision), a 3s096
Agora sim, após a definição do grid de largada, o BFI fará nesta semana uma análise sobre o oval de Indianápolis com dados e um pouco da história do circuito, episódios importantes que aconteceram por lá e algumas coisitas más. Até mais.

Comments

4 Responses to “Bump Day: Bruno Junqueira garante vaga mas é Alex Tagliani que pilotará o carro #36 da Conquest”
Post a Comment | Postar comentários (Atom)

Ron Groo disse...

Poxa, tem um brasileiro em cada fila, da primeira a quinta. Acho que a chance de um compatriota levar a corrida no bolso é grande.
Se bem que este ano estou torcendo para a Danica.

18 de maio de 2009 09:41
Felipão disse...

EEEEEEEEEE Bruno... Complicado pra ele...

18 de maio de 2009 17:16

uma pena pro Bruno,mas é normal nas 500 milhas. Em 1992 parece que Scott Goodyear entrou na corrida dessa maneira. E quase venceu! quem sabe o Tagliani faz o mesmo?rs Eu to torcendo pra Milka Duno correr de biquini!
rsrsrs

18 de maio de 2009 19:57
Leandrus disse...

É, a Milka Duno tem que correr de biquini, pq fora isso não serve pra nada, rs
Quase que o Hunter-Reay fica de fora, coisa que ele nao merecia. E eu já vou sofrendo por antecipação, pq não vou ver a corrida ao vivo =/

18 de maio de 2009 21:50

Postar um comentário

Gostou do Blog da Fórmula Indy?
Deixe seu comentário e ajude a incentivar a Autosfera Brasileira!
I am Indy!