Scott Dixon vence o GP de Kansas, Tony Kanaan é o novo líder

domingo, 26 de abril de 2009

Olá amigos da velocidade, olá amigos da Fórmula Indy.

Em sua primeira prova em circuito oval no ano, a Fórmula Indy reviveu uma cena mais do que comum na temporada 2008. Scott Dixon (Ganassi) venceu a prova, Hélio Castroneves (Penske) chegou em segundo e Tony Kanaan (Andretti Green) em terceiro. Estas posições eram comuns na temporada passada, será que indicam a reação do piloto neo-zelandês?

A largada foi tranquila com o pole, Graham Rahal (Newman Hass) mantendo a ponta, seguido do seu companheiro Robert Doornbos (Newman Hass). Dixon e Tony vinham logo atrás com Ryan Briscoe (Penske), Danica Patrick (Andretti Green) e Dan Wheldon (Panther) sempre próximos.

Dixon ultrapassou Rahal na 25ª volta assumindo a liderança e não sendo mais incomodado, apenas no último pit stop, Briscoe saiu melhor do que ele e assumiu a liderança mas na corrida ele recuperou sua posição, vencendo a corrida.

Desempenho digno de elogios foi o de Hélio Castroneves. Largando na última fila, ele teve o azar de nas primeiras voltas bater em Vítor Meira (Foyt), que tinha levado uma fechada de Hideki Mutoh (Andretti Green) e teve que tirar o pé. Hélio não teve tempo para perceber e encheu a traseira do carro da Foyt, que foi parar no muro e assim acabou a corrida de Meira.

Hélio foi para os pits trocar o bico, mas os mecânicos não conseguiam fazer a troca. Então, Hélio saiu do pit com o bico ainda avariado para não perder a volta, entrou novamente no pit e agora sim fez a troca do bico. Em uma grande prova de recuperação e mais uma aula de estratégia da equipe de Roger Penske, Hélio chegou em uma brilhante segunda colocação, brigando o tempo inteiro com Kanaan e Briscoe.

O baiano Kanaan fez uma boa prova pela Andretti Green. Se novamente não tinha carro para ganhar a corrida, Tony fez o dever de casa sempre se mantendo entre os 5 primeiros, economizando o equipamento na primeira parte da prova e partindo para cima nas últimas 30 voltas. Teve uma bela disputa com Hélio e assegurou o terceiro lugar, que lhe deu a liderança do campeonato até aqui.

Liderança que veio com o acidente de Dario Franchitti (Ganassi), então lider do campeonato, que se envolveu em um acidente, batendo no muro e abandonando, chegando apenas na 18ª posição.

Entre os demais brasileiros, Mário Moraes (KV Racing) foi o único a terminar a prova, na 11ª posição. Raphael Matos (Luczo Dragon) cometeu um erro bisonho: em disputa com Marco Andretti (Andretti Green) ele ficou atrás do carro do americano de uma forma que acabou perdendo a pressão aerodinâmica na frente e seu carro guinou direto para o muro, ficando com a 20ª posilção. Com o acidente com Hélio Castroneves, Vítor Meira foi o primeiro a abandonar ficando na 22ª posição. Até mais!

Classificação do Campeonato: Clique aqui.

RESULTADO FINAL – INDY - KANSAS ROAD RUNNER TURBO 300

Pos

Nome do Piloto

Equipe

Tempo Final

1

Scott Dixon

Ganassi


2

Hélio Castroneves

Penske


3

Tony Kanaan

Andretti Green


4

Ryan Briscoe

Penske


5

Danica Patrick

Andretti Green


6

Marco Andretti

Andretti Green


7

Graham Rahal

Newman Hass


8

Hideki Mutoh

Andretti Green


9

Ed Carpenter

Vision


10

Dan Wheldon

Panther


11

Mario Moraes

KV Racing


12

Robert Doornbos

Newman Hass


13

Sarah Fisher

Sarah Fisher Racing


14

Justin Wilson

Dale Coyne


15

Ryan Hunter Reay

Vision


16

Milka Duno

Dreyer & Reinbold


17

Stanton Barrett

3G Racing


18

Dario Franchitti

Ganassi


19

Mike Conway

Dreyer & Reinbold


20

Raphael Matos

Luczo Dragon


21

EJ Viso

HVM


22

Vitor Meira

Foyt



Comments

3 Responses to “Scott Dixon vence o GP de Kansas, Tony Kanaan é o novo líder”
Post a Comment | Postar comentários (Atom)

Felipão disse...

Acabei assistindo no Band Sports mesmo. E que erro grosseiro do Matos... pelamorrrrr... E parabens pela organização, Paulo... Essa tabelinha ficou muito bacana...

27 de abril de 2009 09:17
Ron Groo disse...

Putz Paulo, nem por streaming eu consegui ver a prova.
Só fiquei sabendo das coisas aqui no teu blog.

Olha o Castroneves aí mostrando que a absolvição lhe fez bem.
Pelo jeito a corrida foi boa.

27 de abril de 2009 09:53
Daniel Ramos de Oliveira disse...

Meu que bom ver o Helinho Castroneves em segundo,e a Penske realmente tá muito bem e acredito que o brasileiro e ela ainda irão ir pra disputa do titulo.O Tony Kannan mais uma vez mostrou que tem o melhor carro da AGR,ficando em terceiro,foi uma ótima posição muito boa,se for levar em consideração que infelizente o carro dele não está para ganhar,mas pelo menos agora ele é campeão.O Scott Dixon realmente se recuperou daquele iniciou horrivel que teve no primeiro GP e no de Long Beach,e acredito que juntamente com o Helinho,Tony Kannan,Dario Franchitti são os favoritos ao titulo.

27 de abril de 2009 12:33

Postar um comentário

Gostou do Blog da Fórmula Indy?
Deixe seu comentário e ajude a incentivar a Autosfera Brasileira!
I am Indy!