Nossos Pilotos falam: Longe Beach

terça-feira, 21 de abril de 2009

Tony Kanaan (3º lugar - Andretti-Green)
"As duas provas mostraram que o campeonato será difícil e muito competitivo, então um resultado como esse em Long Beach, na minha 100ª prova, temos de comemorar. Minha equipe foi excelente nos pits e, com certeza, estamos todos muito felizes. Eu não tinha um carro bom hoje e, mesmo assim, terminei no pódio. Se toda a corrida que não tiver um carro vencedor eu finalizar dessa maneira será muito bom."

Hélio Castroneves (7º Lugar - Penske Racing)
"Foi um dia especial para mim. Antes da corrida como eu andava à volta da pista, a multidão deu-me muito apoio. Foi emocional, mas eu estava pensando, 'eu tenho que correr. Tenho a concentrar-se."





Vítor Meira (14º lugar - AJ Foyt Enterprises)
Na última volta, eu não sei o que aconteceu. Eu não poderia melhorar minha posição ali então eu estava bem cauteloso e na freada para a curva 10 meu carro foi direto no muro. Mas os nossos problemas aqui começaram bem antes disso. Temos de encontrar o acerto para os mistos e vamos conseguir. Estamos todos juntos nessa. "

Mário Moraes (19º lugar - KV Racing)
O carro foi rápido. No início da corrida eu melhorei duas posições e, em seguida, após o primeiro pit stop eu fui atingido por trás por Justin Wilson (no "engavetamento" e ficamos 1 volta atrás. A estratégia da equipe era muito boa para a corrida e finalmente fui capaz de voltar para a liderança, obtendo a volta mais rápida com o meu vermelho pneus, mas depois eu deixei para frear muito tarde em uma curva e terminou minha corrida."


Bia Figueredo (5º lugar Ligths - Sam Schimidt)
"Gostei muito de correr em Long Beach. A pista é fantástica e estava bem escorregadia na corrida. Não conseguimos chegar ao acerto ideal do meu carro nesta nossa estreia neste circuito de rua, e, felizmente, conseguimos terminar em quinto".




Rodrigo Barbosa (25º lugar Lights - ELFF Racing)
Foi um final de semana para esquecer. Aprendi muito pouco. Ao todo, não dei sequer 30 voltas no circuito. No entanto, estas são coisas de corrida, e sei que não será sempre assim. Vamos para a próxima, quando farei minha estreia em oval. Tenho a confiança de que terei um bom desempenho e um bom resultado."




Mário Romancini (24º lugarLights - RLR/Anderson)
“Foi uma pena, porque meu carro era competitivo e eu estava mais rápido do que os dois pilotos que estavam à frente. Acredito que poderia ter terminado pelo menos entre os oito primeiros, e a chance de marcarmos alguns pontos era grande. Agora não me resta outra alternativa a não ser pensar na próxima corrida”

Fico devendo mais palavras do Hélio, por enquanto achei apenas esta entrevista no site da Penske. Até mais!

Comments

2 Responses to “Nossos Pilotos falam: Longe Beach”
Post a Comment | Postar comentários (Atom)

Felipão disse...

Legal essa sessão Paulo. O pessoal da Lights aprendeu pouco e por isso as palavras desanimadoras. Muito bom saber que o povo apoiou o Helio...

21 de abril de 2009 16:26
Henry disse...

Paulo,
Muito bom trazer o pessoal da Indy Lights também.

1abraço

22 de abril de 2009 17:57

Postar um comentário

Gostou do Blog da Fórmula Indy?
Deixe seu comentário e ajude a incentivar a Autosfera Brasileira!
I am Indy!