Diário de um Piloto e Admin Virtual: E foi dada a largada!!!

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Olá amigos da velocidade, olá amigos da Fórmula Indy.

Antes do Review da próxima equipe da Indy (será a Penske.... verei rs) vou falar do início da temporada virtual dos campeonatos em que estou neste ano.

Como falei há um tempo atrás corro nos campeonatos da IRL e Nascar Cup (os outros são Truck Series, Fórmula Nippon e provavelmente correrei mais um de Carros Turismo, acho que nos moldes da GT3).

Nesse fim de semana começou os campeonatos de verão da IRL e Nascar. Domingo foi a vez da Indy, num horário bem sugestivo, às 9:30 hrs da manhã nos domingos em que não tenha F1. A pista foi Corl (eu tentei achar algo sobre a pista mas não achei, sabem por quê? Ela é fictícia rs.

E não é que deu certo? 18 pilotos madrugaram e estiveram na prova. Começava o início dos meus trabalhos de moderador em fds de corrida. Muito trabalho (como sempre) mas deu pra eu levar tranquilo. O pessoal até certo ponto estava ajudando embora qualquer piloto virtual em início de carreira seja mais "veloz" do que "racional".

Digo isso porque a prova consistia em 2 baterias de 15 voltas com 1 pit stop e bandeiras amarelas ativadas. Para a primeira faríamos Qualify e para a segunda o grid seria sorteado. Desde que meu volante quebrou e foi para análise para troca (tá na garantia e recebi um email falando que eles aprovaram meu pedido e que vão enviar um novo volante) estou jogando de joystick (estilo Playstation), o que por si só já me deixa em desvantagem aos que jogam de teclado e, obviamente, de volante.

Entre 18 pilotos, consegui o 12º tempo, péssimo diga-se de passagem mas blz rs (clique na imagem ao lado para ampliar).

Primeira bateria, correu tudo bem consegui fazer um ritmo de prova tranquilo e sem forçar a barra. Já estou ficando famoso por ter um estilo de pilotagem mais técnica e não tanto emotiva (seria eu um novo Mika Hakkinen ou Kimi Raikkonen? rssss)
Mas os tão temidos acidentes fizeram vítimas, inclusive eu. Não cheguei a ficar fora da prova, mas com o carro avariado não ia dar pra fazer muita coisa e acabei ainda conseguindo um 8º lugar.

Bateria 1:

Na segunda bateria, já com grid sorteado larguei em 10º. Nessa prova, eu já fui com mais agressividade e fui conquistando posições, acho que cheguei a estar em 6º. Mas novamente um acidente bem na minha frente e não pude fazer nada. O carro ainda estava em condições de andar, mas alguém não freou e acabou com meu carro. Me arrastei até o final da prova. Resultado : 12º lugar. E na classificação do campeonato estou em 13º lugar.

Bateria 2

Classificação após 2 etapas

Agora ontem, o bicho pegou. Dia de Nascar Cup em um oval enorme, Zen Joltis (assim que tiver informações coloco aqui). No campeonato de Nascar, que eu não considero um dos que estou em melhores condições, a corrida seria única e com 30 voltas e 2 pits.

De joystick, a coisa seria mais complicada ainda que na Indy então no Qualify optei por não fazer tempo e abortar a volta (na Nascar e na Indy pode-se fazer isso). Outros 6 pilotos tiveram a mesma idéia pois o grid contou com 28 carros (isso mesmo 28 pilotos online em um evento, Record da Liga SpeedZone).

O que não tive de sorte em Corl, tive em Zen Joltis. Larguei do fundo com altas chances de me envolver em toques, rodadas, batidas e tudo mais (o que é comum na Nascar, vcs sabem né?).
Em uma corrida em que eu não esperava muita coisa de mim, fiz o mais cuidadoso possível e escapei de todos acidentes na minha frente (acho que uns 2 ou 3, quem se lembra daquela cena do filme Dias de Trovão, em que o Tom Cruise passa pela nuvem de fumaça intacto... pois é eu consegui também rs).

Acompanhem a fórmula:

estréia de campeonato + 28 carros + vários estreantes = muuuuuuuuuuitos acidentes.

E nisso, mais da metade do grid não terminou e eu ainda consegui um ótimo 6º lugar. Poderia ser melhor se eu não tivesse um problema no primeiro pit (um esperto tentou me passar na entrada do pit, me assustei e acabei passando direto, tendo que entrar de novo pra fazer a parada) e uma Bandeira Preta que tomei depois (por ter passado por um carro em Bandeira Amarela quando eu ia pra outro Pit - Bandeira Preta na Nascar é o mesmo que o Stop and Go entre outras punições leves).

No fim, ainda pude tentar ajudar um dos meus parceiros de equipe (eu digo "um" deles porque estou em uma equipe grande com 3 equipes co-irmãs (Supertex, Thunderbolt (onde estou) e Dizzytek), no estilo da Medley na Stock Car que chegou em segundo lugar.

As equipes não aparecem no resultado final porque nesta pré-temporada os organizadores prefiram que usássemos os carros da temporada 2003 da Nascar, o que eu escolhi foi o #1 Chevy Monte Carlo -Penzoil do Steve Park.

Vou ficar devendo os standings da Nascar porque eles ainda não saíram corretamente, estão com erros, depois posto aki para vocês.

Ontem a corrida foi adrenalina pura. Agora sou do time que critica quem diz que a Nascar Americana não é uma "categoria" e que acham que é apenas uma jogada de marketing. Eu já achava que em emoção ela dava de 10x0 na F1. Depois de ontem, agora tenho plena certeza.

E é isso, até mais.

Comments

One response to “Diário de um Piloto e Admin Virtual: E foi dada a largada!!!”
Post a Comment | Postar comentários (Atom)

é Maeda até que vc não tão ruim não!rs

NASCAR é uma categoria emocionante,depois que eu comprei o NASCAR 2003 e jogo direto,eu vi o coo é difícil e divertido correr nesses ovais.

é isso aí, Go Maeda go!

20 de janeiro de 2009 16:44

Postar um comentário

Gostou do Blog da Fórmula Indy?
Deixe seu comentário e ajude a incentivar a Autosfera Brasileira!
I am Indy!