Notinhas Curtas: Marco Andretti, Gil de Ferran, Lucas di Grassi e Bia Figueiredo

sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Olá amigos da velocidade, olá amigos da Fórmula Indy.

Obrigado pelos comentários (e elogios) ao conteúdo do meu blog. Apenas tento fazer o melhor que posso em meus textos....rss

E tenho que dizer uma coisa... Marcos (do GPseries) vc falou tudo o que eu queria ouvir. Fiquei com tanta vontade de ter de novo um template preto e laranja, que achei este e já tratei de "devolver" as cores oficiais do Blog da Fórmula Indy....kkkkk Esse é meu presente ao blog pela marca de 100 posts.

Mas vamos ao trabalho.

No Amigos da Velocidade, do Téo José e no Blog dos Esportes Americanos, do Pedro, veio a notícia que Marco Andretti ainda não renovou seu contrato com a Andretti Green. John Caponigro, empresário de Marco, disse que a renovação e a duração do contrato do piloto norte-americano dependem do volume de investimentos que seu novo patrocinador trará para a equipe Andretti Green e que Marco não pensa em transferência para outra categoria, embora esteja em ação na A1GP.
Vale lembrar que Marco não anda com contratos de patrocínio "muito duradouros". Nos últimos anos, ele já estampou em seus carros os patrocínios da Bolsa de Valores de Nova Iorque (NYSE) e, neste ano, teve o patrocínio da rede de locadoras BlockBuster.

Também no Amigos da Velocidade, a notícia de que Gil de Ferran, anunciou a renovação de contrato do piloto francês Simon Pagenaud com sua equipe na American Le Mans Series. Na temporada 2009, a equipe mudará de categoria, trocando a LMP1 pela LMP2. De Ferran, fez elogios ao piloto:
A expectativa que nós tínhamos foi concretizada e hoje com apenas 24 anos Simon é um dos principais pilotos da categoria. Sua contribuição para a equipe em 2008 foi o excelente trabalho que realizou e agora estamos ansiosos para mais um ano juntos".
É esperar para ver, sem esquecer que o blog pretende fazer uma cobertura constante da temporada 2009 da ALMS.


No Velocidade Máxima, a notícia que Lucas di Grassi poderia ir para a Indy caso não consiga a vaga na equipe Honda após a "seleção" da equipe com ele e Bruno Senna. Grassi teria propostas de "equipes de ponta" da Indy (seria a Penske, pensando em um substituto para Hélio Castroneves???). Mas o piloto estaria focado em continuar na Europa, mesmo como piloto de testes da própria Honda, da Renault ou mesmo disputar mais uma temporada na GP2.
Sinceramente, acho muito difícil o di Grassi vir tão cedo para a Indy. Ele ainda está no início de sua carreira na Europa e arriscar sua vinda para o automobilismo americano poderá atrasar sua carreira, como vemos atualmente o que aconteceu com o francês Sebastian Bourdeais.

No mesmo site, temos a notícia de que Bia Figueiredo, piloto da Indy Lights, partcipará do Renault Road Show, demonstração que a montadora realizará em São Paulo, nos dias 29 e 30 de novembro. Ela pilotará um Megane.

Pena eu não poder ir para ver, adoraria ver nossa "mto melhor Danica Patrick" ao vivo, mas deverá ser um show msm! Go Bia!!!

E até a próxima pessoal!

Fala Blogueiro: Anotando os Pedidos...

quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Olá pessoal.

Agora que meu blog passou corajosamente da marca de 100 posts, posso me animar a dar alguns passos mais adiante nessa nossa jornada dos posts nossos de cada dia.

Sempre tentando deixar o blog o mais agradável possível, e como um perfeito estreante no mundo bloguístico, fiz muita m.... com meus templates.....rs Adorava aquele template preto e laranja, mas depois de diversos problemas (de desformatação dos títulos dos posts até uma hora que ele simplesmente não deixava eu alterar as colunas laterais), acabei deixando ele.

E agora estou com este, um template simples, limpo e fácil de mexer. Mas não nego que sinto falta daquelas 2 barras laterais do template anterior. Mas vamu que vamu.... hehe

E pra comemorar essa marca importante do blog, e aproveitando para pedir a opinião de quem realmente entende do assunto, deixo a pergunta para vocês.

"Se vc fosse o dono do "Blog da Fórmula Indy" o que vc mudaria no visual dele?"

Deixo a pergunta para vcs, bons entendedores. Do jeito que está, estou com uma sensação que ele está poluído (não tanto como antes, mas ainda está).

Edit: eu já fiz umas mudancinhas básicas: TOP Comentaristas, Contador de Respostas, Links pra add nos Favoritos, Pesquisa do Google e a Linkbar (pena que por enquanto tive q tirar a foto, mas vou providenciar outra).

Aguardo suas sugestões, pessoal. Obrigado e até mais!

Diário de um Piloto Virtual: Próxima Etapa: - Motorola Indy 300 (Sonoma)

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Olá amigos.

Mais um desafio para o blogueiro e "dublê" de Piloto Virtual que aki vos fala: Domingo tem corrida pela Indy e será no misto "Montanha-Russa" de Sonoma, Califórnia/EUA.

O circuito misto (também chamado de Sears Point) possui 2,3 milhas e está localizado em uma região bem semelhante à Laguna Seca em meio a um vale meio desértico.

Após o meu quase 2º lugar na etapa anterior (Kentucky), vou para a prova um tanto desacreditado. E tenho alguns motivos para isso: 1- não gosto desse tipo de pista (oval sobe e desce) 2- ainda falta experiência com o carro em circuitos mistos e 3- está difícil ter tempo pra treinar nesta pista.

Ontem pude dar minhas primeiras voltas e um pouco da desconfiança que eu tinha da pista se foi. Embora seja "sobe e desce" não é tanto quanto eu pensava que fosse. E Sonoma possui apenas 3 curvas lentas, todas as outras são de média ou alta velocidade, o que vai pedir um carro muito equilibrado na sequência de curvas de alta, por exemplo.

Mas não posso sonhar muito alto. Nos treinos particulares, o máximo que consegui foi 57.7xx segundos. Meu parceiro de equipe, virou em 54.5xx. Pois é dessa vez a coisa está bem complicada....rs

Até mais.

Giro de Notícias: Dingo bell, dingo bell acabou o papel....rs

terça-feira, 25 de novembro de 2008

Olá amigos da velocidade, olá amigos da Fórmula Indy.

Obrigado por todos os comentários no post anterior. Agora tenho muitas responsabilidades a assumir e vou tentar não me ausentar por muito tempo aqui do blog, ainda mais após ele superar a barreira dos 100 posts :)

Bom, vamos a algumas (poucas) notícias que temos sobre o mundo da velocidade:

- Panther quer ter segundo carro em 2009.
E os pilotos cotados para assumir essa vaga são Mike Conway, piloto da Indy Lights, e Giorgio Pantano, atual campeão da GP2.

É de se estranhar essa atual "intenção" da Panther. Se era pra ter 2 carros, pq dispensaram Vítor Meira então? Ele teria muito mais a acrescentar que qualquer um dos 2 pilotos. Vai entender...

- Mais detalhes sobre o fornecimento de etanol brasileiro para a Indy

O Brasil terá muito mais vantagens com o fornecimento do etanol para a Fórmula Indy em 2009.

Estimado em 120 mil galões (454 mil litros) por ano, esse fornecimento também servirá de propaganda do combustível brasileiro nos outros países onde a Indy corre além dos EUA (no caso, Canadá e Japão). Além disso, o Brasil terá um aumento significativo em suas exportações já que os planos do Governo Brasileiro no investimento em novas formas de combustível é muito bom visto pelo Gorverno Norte Americano e poderá render novas alianças comerciais.

Muito boa essa notícia não é? Tomara mesmo que o etanol de cana brasileiro faça sucesso no exterior, já está na hora do Brasil ter um produto forte no mercado exteriro, e o nosso tão comum álcool poderá ser este produto em breve. E também é muito bom termos mais um produto brasileiro no automobilismo mundial, já que a Petrobrás já fornece gasolina para F1 há um bom tempo.

- Montoya diz novamente "não" para a F1
Juan Pablo Montoya, 33 anos e atualmente correndo na equipe Ganassi na NASCAR, disse em entrevista na semana passada, que recebeu convites para voltar à F1. Mas afirmou não ter mais interesse em andar na categoria mais conhecida no mundo.

"Ainda me procuram, porém, eu recusei as ofertas e quando me pedem pelo número de telefone digo que se sobre um 'retorno' para a F-1 que não me incomodem porque não estou interessado", falou Montoya".

Além de não ter mais "encanto" pelo mundo da F1, Montoya disse que sua família também não é a favor de sua volta. "Estou muito feliz na NASCAR. E minha família está bem nos Estados Unidos. Para ser bem honesto, nem passa pela minha cabeça voltar para a Fórmula 1. E mesmo que a McLaren ou a Ferrari me convidarem agora".

Montoya acredita em sua evolução na Nascar e que, em breve, conquistará a primeira vitória. "Aqueles que conhecem melhor a NASCAR dizem que estou fazendo boas coisas. Sei que é uma categoria difícil de entender. Mas, quando começar a vencer corridas os críticos de minha saída da F-1 começaram a aprender sobre a série e acompanhar melhor".

Esse é o Montoya que eu conheço e que correu na Indy durante a fase "Cart World Series", quando foi campeão em 1999, também pela equipe de Chip Ganassi. Ele fez o caminho que Sebastien Bourdais fez e que Lucas di Grassi pode fazer agora: carreira bem sucedida na Europa e mas sem vaga na F1, vai para a Indy. Conquistar vitórias e um título e voltar a F1 badalado. O resto da história, logicamente não desejo ao piloto brasileiro: ter problemas de adaptação à rigída rotina da F1 (um dos motivos que levaram Montoya à ir para a Nascar, onde por lá a questão de manter o peso - seu calcanhar de aquiles na Mclaren - não é levada tão a sério).

Torço para que ele se dê bem na NASCAR, assim como já demonstrou uma grande evolução nas últimas etapas da categoria neste ano. Go Montoya!!!

Até mais galera!

Diário de um Pi..... (ops) Admin. de Campeonato Virtual

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Olá amigos da velocidade, olá amigos da Fórmula Indy.

É isso mesmo, galera. Antes que eu me confunda, eu mesmo ainda não acredito na façanha que consegui fazer, e gostaria de compartilhar isso com vocês.

Desde que eu comecei no Automobilismo Virtual (há menos de 2 meses) vi que esse mundo é fantástico e viciante. E relembrei do campeonato offline que eu disputei lá na comunidade da Indy no Orkut, antes de entrar de cabeça no AV. Assim que anunciei minha saída deste camp offline, avisei a todos que estava indo para o mundo online e que iria disputar um campeonato de Indy no Nascar 2003 (exatamente como eu postei as instruções de instalação do game e do mod no tópico anterior).

Pois bem, passado esses quase 2 meses da minha saída com campeonato offline, o pessoal da comunidade começou a se interessar e a perguntar sobre essa nova possibilidade de campeonato. Eu, como um bom entusiasta de qualquer tipo de corrida, abri um tópico na quinta feira perguntando sobre a opinião do pessoal sobre um possível segundo campeonato na comunidade já seguindo os moldes do campeonato online de Indy que disputo (e que infelizmente na CBAV não terá mais no ano que vem). O Resultado: o post teve 100 respostas em apenas 4 dias... Espetacular.

Como na quinta feira, foi feriado para os funcionários públicos aki em Sampa, passei praticamente o dia inteiro no Orkut respondendo às dúvidas e auxiliando o pessoal a instalar o Nascar e o mod da Indy. Antigos parceiros do campeonato offline se interessaram na hora e até chegamos a dar umas voltas online, eu apresentando o game e dando algumas dicas... rs

Na sexta feira, já não tive muito tempo para isso e comecei a pensar: 20 possíveis interessados... todos fazendo as instalações dos arquivos necessários.... tinha que começar a pensar em como ter o recurso fundamental das corridas online: o servidor. Depois de mto quebrar a cabeça em tentar descobrir pq raios meu micro não conseguia ser o servidor de jogos, descobri que era pelo simples fato de eu usar o meu modem do Speedy de forma roteada....rs Tão simples e eu não sabia. Um problema a menos.

No sábado, após as atividades diárias de casa, comecei a pensar nos moldes do campeonato. E me veio em mente: eu sozinho terei um trabalho do cara amba pra tocar tudo isso sozinho. E nisso, sempre de olho no desdobramento do campeonato da CBAV. Lendo o fórum, vejo que as chances do campeonato continuar por lá estão remotíssimas, então pensei: "eh, agora vou ter que me virar sozinho, afinal o interesse foi grande do pessoal e agora não posso deixar eles na mão.

Um colega meu das provas online, chegou a citar na CBAV que já tínhamos bastante interesse de novos pilotos em correr com esse Mod, mas, sinceramente, duvido que isso mude a opinião dos Admin de lá (a Indy será no Rfactor e (quase) ponto final).

Conversando com outro colega de corridas (sim.... vcs não sabem o qto de novos amigos tenho agora, após entrar nas corridas... encontrei praticamente uma "Família Scollari" nas pistas virtuais....rs), ele me sugeriu procurar o Admin de uma outra liga, ainda nova e pequena - a SpeedSeries, e, para minha surpresa, fui muito bem recebido pelos Admin (extremamente gente fina, ao entrar no Fórum poderão ver o Erick Ambrósio (Ambra) e o Erick Rabello por lá).

Um trabalho muito bem feito e um gerenciamento das ligas que funciona perfeitamente. Ao expor minhas idéias, ele me dão a notícia que já estavam pensando em uma nova liga nesse mesmo esquema (game base o Nascar 2003 e com um novo Mod OWR2007 (em vez do 2005)).

O Resultado: liga criada, eu fui "nomeado" moderador do campeonato junto com mais 2 amigos de corridas online de lá e toda a estrutura de servidor, sistema de cadastro e pontuação de pilotos e equipes e fórum para o campeonato totalmente de graça :)

Incrível rs.... Eu tive uma ascenção maior ainda que a do Kimi Raikkonen....kkk Em menos de 2 meses passei de estreante em corridas virtuais a moderador de campeonato virtual....rssss

Mas agora vêm uma nova fase, de muito trabalho e responsabilidade. Junto com o pessoal, queremos fazer um campeonato que seja ao mesmo tempo competitivo e divertido para todos que queiram participar. Tomara que eu seja feliz nessa minha nova vida no AV.

E para vocês, amigos, deixo os links, se quiserem dar uma passadinha por lá, fiquem a vontade:
E é isso pessoal, quem sabe o blog tenha a nova sessão: "Diário de um Administrador de Campeonato Virtual"....rs

Até mais e abraços para todos (hum.... tah bom eu assumo que estou meio "EMO" depois de tantas emoções.....kkkk

Até a próxima!

obs: Marcos (do GPSeries), se quiser o novo mod (que é bem melhor e mais leve), vc pode baixar ele por este link.

EDIT: só agora percebi, esta foi a 100ª postagem do meu blog!!! Iháaaaaa!!! rs

Nascar Racing 2003 + Mod Indy 2005

sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Instalação do Nascar Racing Season 2003 (NR2003)

1- Crie uma pasta na unidade C: . Dê o nome de “Nascar2003”.

2- Baixe as 5 partes do game, e salve elas nesta pasta.

Links (arquivo .ISO)

Parte 1 100mb
Parte 2 100mb
Parte 3 100mb
Parte 4 100mb
Parte 5 55mb

2- Clique com o botão direito no primeiro arquivo (Nas_Rac_2003_www.ciklet-bb.tr.cx.part1) e selecione “Extrair Aqui”. Vai pedir senha. Copie e cole o que está entre parênteses:
(www.ciklet-bb.tr.cx)

3- Ele vai gerar um arquivo de imagem (.ISO). Agora para fazer a instalação sem ter q gravar este arquivo em um CD, recomendo usar o programa MagicISO, que vc pode baixar ele neste http://www.magiciso.com/Setup_MagicISO.exe

4- Instale o programa e abra-o. Vá no menu “File” depois “Open” e localize o arquivo da imagem que está na pasta “C:/Nascar2003”. No lado direito da tela do programa, dê um duplo clique em “Autorun.exe” e faça a instalação do game. o serial é:.

RAB2-RAB2-RAB2-RAB2-8869

5- Fique Atento!
No final ele irá pedir para se vc quer fazer 2 coisas (registro do game e atualização via Internet). Diga “Não” para as duas.

6 – Baixe o update do game (http://rapidshare.com/files/128010097/nr2003_update_en_1000_1201.rar) e instale-o.

7- Baixe o “No-CD” (http://rapidshare.com/files/128119192/crack.rar)do game e coloque ele na pasta “C:\Papyrus\NASCAR Racing 2003 Season”.

8- Agora é a hora de instalar o Mod OWR 2005. Baixe neste link: http://lix.in/-2b6cfd e instale ele normalmente.

Veja q ele adicionou um atalho para o Nascar Original e um para o Mod da Indy. Sempre q for jogar a Indy, vá pelo atalho do Mod. Good Luck

Giro de Notícias: O Blogueiro volta ao trabalho

terça-feira, 18 de novembro de 2008

Olá amigos da velocidade, amigos da Fórmula Indy e de todas as categorias do automobilismo real e virtual do mundo. (estamos ampliando nossos horizontes.... hehe)

Ainda estou no meio da minha maratona de corridas online, a próxima no domingo que vem em Sonoma pela Indy, mas como não tenho etapa da Turismo amanhã, tenho um tempinho livre para me dedicar a este meu querido blog. Ele já está chegando perto da marca história de 100 posts. Já dizia o Paulo Bonfá "que bonito... que alegria.... e que beleza!!!! haha.
Bom, vamos ao trabalho. Agora as principais notícias que merecem destaque do blogueiro que aqui vos fala:

- Advogado de Hélio Castroneves é afastado do caso:

Na última sexta feira, Hélio Castroneves teve 2 derrotas no processo pela possível sonegação de impostos. Além de ter seu pedido de adiamento da data de julgamento para Novembro do ano que vem negado, agora foi seu advogado, Mark Seiden, ter recebido pedido da Corte da Flórida para se afastar do caso. De acordo com a Corte, Seiden teria negócios com uma das empresas envolvidas no caso, empresa esta que não foi informada. O site do Grânde Prêmio, afirma que a empresa seria a Seven Promotions, a que foi criada para que Hélio "recebesse" seus salários nos primeiros anos de Penske. Seiden concordou e já se afastou do caso.

Além deste problema, Hélio está correndo seríssimo risco de ser desligado da Penske, o que é obvio. Com o pedido de adiamento negado (o qual o Blog Victal teve acesso e você pode vê-lo aqui), ele continua impossibilitado de sair do EUA, o que afetaria a Penske em sua temporada 2009 na Indy.

Boatos dizem que Roger Penske já estaria procurando o substituto de Hélio e que este teria sido Lucas di Grassi, mas o mesmo não aceitou o convite. Essa informação não foi confirmada por ninguém e eu estranharia tal atitude de Roger Penske.

O julgamento está marcado para o dia 02 de março e a primeira prova da temporada será no dia 05 de abril, em St. Pittsburg.

- Álcool brasileiro será o novo combustível da Indy em 2009

Está confirmado. O presidente Lula, junto com a APEX-Brasil (Agência Brasileira de Promoção às Exportações) fez um pronunciamento na última segunda feira durante a 1ª Exposição Internacional de Combustíveis, em São Paulo e, no mesmo evento, Terry Angstadt, vice presidente da IRL assinou o memorando de entendimento juntamente com Alessandro Teixeira, Presidente da APEX. Lula ainda receberá um protótipo do carro a ser utilizado na temporada 2009 na Indy.

Que o Lula é carismático todos nós sabemos que é. Mas daí a ganhar um chassi de corrida da Indy? Pow Lula, dá ele pra mim de presente de Natal!!!! haha
- Vítor Meira saiu da Panther magoado e promete o troco

O piloto brasiliense foi dispensado pela Panther, que acertou com o inglês Dan Wheldon. Meira afirmou que já desconfiava de que algo poderia acontecer. "Eu suspeitava disso, havia uns boatos. E a equipe começou a dar menos desculpas para as coisas que saíam erradas. Mesmo assim, não acreditava que isso aconteceria", disse o piloto.
Agora na equipe Foyt, Meira disse ter o desejo de provar à antiga equipe que não merecia ter saído desta forma. "É óbvio que quero ficar na frente de todos. Mas espero andar sempre na frente deles [da Panther]". Mas terá bastante trabalho para tornar a Foyt competitiva, mas Vítor está confiante. "Precisamos trabalhar bastante. Eles estão bem atrasados comparados às outras equipes. A pré-temporada será dura. Hoje, nossa meta é ficar sempre entre os dez primeiros. Lógico que podemos surpreender, assim como fiz na Panther em 06. Temos de ver isso no transcorrer de 09.
É isso aí mesmo Vítor. Você reergueu a Panther e acredito que terá todas as condições da fazer o mesmo na Foyt. Este blogueiro, o blog e todos no Brasil estamos torcendo por você. Go Meira!

- Equipe de Rubens Pé de Chinello e Tony Kanaan vence as 500 milhas da Granja Viana.

Antes que estranhem por eu falar o nome de Rubens com seu "apelido carinhoso" dado no Brasil, eu explico. Até ele tomar uma atitude e acabar com essa novela de querer ficar na F1, o blogueiro aqui está "de mal" dele e o chamará desta forma. Perdi a paciência com ele.
Bom, a equipe formada por Rubens, Tony Kanaan, Felipe Giaffone e Renato Russo faturou a prova deste ano. A equipe de Nelsinho Piquet terminou em segundo mas foi desclassificada (maiores informações você poderá ver aqui no blog do Téo José).

Abaixo a classificação final:
1. Rubens Barrichello, Tony Kanaan, Felipe Giaffone, Renato Russo e Luciano Burti, 644 voltas em 10h53min04s136
2. Nonô Figueiredo, Duda Pamplona, Francesco di Mauro e Renan Guerra, a três voltas
3. Felipe Massa, Xandinho Negrão, Dudu Massa, Felipe Lapenna, Felipes Apezzato e Victor Guerin, a três voltas
4. André Nicastro, Beto Monteiro, Roberval Andrade, Wellington Cirino, Lucas Finger, Jefferson Tierling, Emerson Behne e Denis Dirani, a seis voltas
5. Iuri Alves, Fernando Carvalho e Joel Mendes Jr., a 11 voltas
6. Jandre Nunes, Peterson Nunes, Diego Fernandes, Lucas Gorth, Vicente Rando Neto, Ulisses Fernandes, Luís Maul, Thiago Santos e Ulisses Ribeiro, a 11 voltas
7. Luís Carlos Roque, João Carlos Roque, André Fleury e Álvaro Cavalcante, a 11 voltas
8. Rafael Suzuki, Fernando Leme e Pedro Barbosa, a 12 voltas
9. Felipe Neira, Renato Mendes, Rodrigo d’Orey e Sérgio Simão, a 13 voltas
10. Paulo Malagoni, Ricardo Guedes, Marcelo Dias, Fábio Sabaldo e Márcio Dias, a 14 voltas

Aliás, a charge do Mantovani sobre o Teste da Honda, lá no Continental Circus está hilária:


Até mais.

Diário de um Piloto Virtual: Faz parte....

segunda-feira, 17 de novembro de 2008

Olá amigos da velocidade, olá amigos da Fórmula Indy.

Antes de falar como "piloto", quero fazer uma observação como "blogueiro": realmente, as corridas online nos fazem sentir pilotos de verdade, estou ficando cada vez mais maravilhado com esse mundo... rs Recomendo a todos que puderem e quiserem se aventurar, vale a pena ;)

Mais uma prova, agora no oval médio, mas rápido do Kentucky. Treinos, treinos e mais treinos.... Não sei se já falei isso por aqui, mas essa rotina cansa e enjoa. Faz parte. Mas é extremamente necessária, pois só assim os bons resultados virão.

Qualify: consigo uma boa 5ª posição entre 15 carros (novamente vários não marcaram tempo para largar nas últimas filas e escapar de um possível acidente na largada). Mas essa estratégia deles revelou-se completamente errada. Faz parte.

Nas primeiras voltas, perdi a conta de quantas Yellow Flags aconteceram (acho que umas 4 antes das primeiras 30 voltas. Em todas relarguei muito bem e mantive a 4ª posição que consegui na largada. A opção por marcar tempo e largar na frente deu certo.

Mais pra frente, o primeiro colocado retira-se da prova (o piloto já tinha avisado que só andaria até determinado horário). Com isso assumo a 3ª posição e fui à caça do 2º colocado. O novo primeiro colocado era meu parceiro de equipe e seria muito legal se eu conseguisse a dobradinha. E eu tinha um carro bem acertado para a prova. Nos treinos livres fui o mais rápido (pena eu não ter os tempos aki, eu dependo da organização liberar eles, e como lah as coisas andam falhando muito fico devendo para vocês).

Dessa vez, em minha 3ª prova online, consegui fazer uma corrida correta e agressiva. Fui pra cima do segundo colocado, pressionei por várias voltas, mas o oval (e principalmente o mod) não ajudavam nas ultrapassagens. Ao menos consegui minha primeira ultrapassagem limpa no mundo do AV (Automobilismo Virtual):

Reta oposta: venho pegando o vácuo do carro
Curva 3: faço a tomada da curva aberta e vou fechando aos poucos
Curva 4: faço a saída bem aberta para sair mais forte
Início da reta dos boxes: venho colado e tento passar por dentro, o piloto fecha porta. Faço o movimento para passar por fora: o piloto fecha a porta de novo, mas rapidamente mergulho por dentro e faço a ultrapassagem.

Não foi "akela" ultrapassagem, mas vlw pelo resultado. Passei de forma limpa pelo piloto e foi uma pena que na curva seguinte eu deixei o carro espalhar um pouco e ele recuperou a posição. Faz parte... Valeu o Fair Play do cara em não dificultar a ultrapassagem.

Depois, como não conseguia ultrapassá-lo novamente, fiz a aposta arriscada: fazer o pit antes do cara e tentar voltar na frente dele quando ele parasse. E deu certo!!! Voltei com folga para ele, mas muito longe do meu parceiro em 1º lugar. Mais umas 40 voltas e viria o segundo pit.

E viria a desgraça. O jogo "Nascar Racing Season 2003" não oferece limitador de velocidade. O Piloto tem que controlar no pé mesmo. E eu falhei justo nisso: por distração minha andei a 72 mph nos pits sendo que o limite era de 70 mph. Resultado = Drive Trough. Acabara de jogar toda a minha prova no lixo. Faz parte....

Punição cumprida, volto em 10º lugar, 1 volta atrás do líder e sem muito o que fazer. Com um carro bom, andei forte nas ultimas 30 voltas e ainda consegui salvar um 7º lugar, pois vários pilotos ainda fariam a segunda parada. Até cheguei em tempo no 6º colocado, mas resolvi não tentar passá-lo. Era mais importante terminar a corrida do que arriscar uma posição. Ainda mais que estou longe de qualquer objetivo no que se refere a classificação de pilotos.

E é isso. O final de semana poderia ter terminado melhor (eu tinha carro para chegar em 2º ou 3º, quem sabe até mesmo disputar a liderança com meu parceiro) mas o erro nos boxes me custou muito caro. Ao menos meu parceiro venceu a prova e, o mais importante, foi a primeira vitória dele no Automobilismo Virtual.

Agora a próxima etapa já é no próximo domingo em Sonoma. Até mais!

Diário de um Piloto Virtual: Próxima Etapa = Meijer Indy 300 (Kentucky)

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Olá amigos da velocidade.


Domingo terei a minha 4ª prova do meu primeiro ano de AV (Automobilismo Virtual). Dessa vez, andando com meu Dallara-Honda número #21, estarei no oval de alta velocidade de Kentucky para a 14ª prova da temporada 2008.



Um oval de 1,5 milhas que possui inclinação nas curvas muito semelhantes à pista do Texas. Ou seja, sinônimo de muita velocidade e dificuldade para as ultrapassagems.

Talvez nem tanto assim. Andei nesta pista com outro game e gostei muito dela. Após o ótimo 2º lugar em Edmonton, as minhas expectativas podem ser boas, mas ao lembrar da ridícula prova em Lime Rock, melhor eu ser um pouco mais comedido em minhas expectativas.


Hoje à noite, mais precisamente às 22:00hrs farei meus primeiros treinos livres. Treinar bastante é o sinônimo de um bom resultado e, quem sabe, realmente fazer minha estréia em ovais, já que a prova de Nashville também foi um desastre....rs

Até mais.

Notinhas Curtas: Caso Hélio Castroneves e teste do Tony Kanaan

Olá amigos da velocidade, olá amigos da Fórmula Indy.

Na intriga do caso de fraude do Hélio Castroneves, vem a notícia que seu julgamento será realizado apenas no dia 02 de março de 2009. O juiz Donald Graham, da Corte da Flórida, marcou a data para o julgamento de Hélio, juntamente com sua irmã Katiúcia e de seu advogado, Alan Miller. Neste período, todos ficarão em liberdade, mas impedidos de sair dos EUA.


Outra notícia é que Tony Kanaan foi convocado pela Andretti Green e fez testes no circuito de Sebring na última quarta feira (12/11). O baiano interrompeu seu descanso e viajou rapidamente para os testes no circuito misto, sinal de que a AGR está preocupada com seu desempenho neste tipo de circuito, onde não foi bem na temporada de 2008.

"Já estava de férias", destacou. "Depois da Austrália, o pessoal da equipe sentiu que precisava treinar nos mistos e, como as duas primeiras corridas de 2008 serão em traçados como o de Surfers Paradise [São Petersburgo e Long Beach] solicitaram minha presença nos treinos coletivos". A equipe também está preocupada com a ascenção da KV Racing e com a melhora da da Newmann Hass Laningan nas últimas provas.


Até mais.

Bia recebe prêmio no ano de estréia na Lights

quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Olá amigos da velocidade, olá amigos da Fórmula Indy.


Voltando às atividades normais do blog. Na quarta feira rolou a premiação dos melhores pilotos da Fórmula Indy e Indy Lights e nossa querida Bia Figueiredo levou o prêmio "Rising Star" (Estrela em Ascenção).

O troféu que Bia recebeu leva o nome de Greg Moore (nem preciso fazer maiores comentários sobre este grande piloto que morreu em um acidente gravíssimo em Fontana-1999).

"Eu estava vendo a homenagem que fizeram ao Moore e ao Paul Dana, dois pilotos que morreram e que andaram na Indy Lights, ainda emocionada com meu prêmio pelo terceiro lugar no campeonato. De repente, me chamaram ao palco novamente. Não haviam me dito nada, e me deixaram mais emocionada ainda", disse a piloto.

Bia também falou sobre a homenagem a Greg Moore. "Isso muito me honrou. Ele era um canadense muito amado nos Estados Unidos, e fiquei lisonjeada por essa homenagem em reconhecimento ao meu trabalho. Ainda mais vinculada ao nome dele, que foi um grande piloto".

É isso aí Bia, que 2009 seja o ano de um grande campeonato na Indy Lights (e pq não pensar no título. E aqui está a largada da mais nova campanha deste blog: Bia Figueredo na IRL em 2010!!! rs).

Até mais

Diário de um piloto virtual: Ai que vergonhaaaaaaaaa....







Local: Circuito permantente de Lime Rock, Connecticut - EUA


Circuito misto permanente de alta velocidade com 1,53 milhas (2,642 Km) e 7 curvas. Uma pista extremamente estreita, nela são disputadas algumas das provas de categorias de base do automobilismo norte-americano, como a Skip Barber.

Categoria: Speed Series - Trans Am
Carro: DRT Toyota Supra.

Olá amigos da velocidade, olá amigos da Fórmula Indy.

Ontem senti na pele algo do pior que um piloto pode ter em um fim de semana de corrida: a frustração. Venho me dedicando nos treinos para tentar não fazer feio nas provas, mas ontem acho que caí na realidade. Aquele 2º lugar de Edmonton não era msm a minha realidade.

Após um ótimo 7º lugar no grid (entre 15 pilotos, e para vocês terem uma idéia, só fiquei atrás dos pilotos TOP da categoria), fiz uma corrida horrível, desastrada e vergonhosa. É Groo, aquele seu elogio foi pro espaço....

Na largada, tudo bem, fora a dificuldade de manter a 45 MPH (velocidade determinada pela categoria) e algumas freadas bruscas na formação do grid, consegui largar até que bem, escapei de toques praticamente corriqueiros na largada nesta pista.

Na segunda volta, em 6º lugar, fui tentar passar o 5º colocado e errei 2 vezes no mesmo "lance": deixei o carro chegar perto demais do carro da frente e dei um belo totó na traseira dele (em corridas online vc tem que manter uma distância maior do que na realidade) e isso se deu porque eu fui frear tarde demais (culpa do câmbio automático, que não me ajuda nas reduções de freio-motor, mas isso já é de responsabilidade do piloto, por isso que não serve de desculpa).

Carro na proteção de pneus, fim de prova pro outro piloto. Voltei ao pit para os consertos e voltei 2 voltas atrás, acho que em 13º. Cheguei no 12º colocado pensando "não posso errar de novo desse jeito". Até fiz algumas voltas disputando a posição limpo. Mas no final da reta do boxes..... novamente fiz a mesma burrada de antes. Dessa vez quem levou a pior foi eu, mesmo tendo sido eu quem tocou na traseira do outro carro. Pra minha sorte, o outro piloto pôde continuar.

Eu também teria, mas achei melhor eu desistir e abandonei a prova. Depois de 2 erros infantis eu não tinha mais cabeça pra continuar.

E terminei msm em 13º lugar. Por isso fica a dica para nós amantes da velocidade: disputas de posição são maravilhosas, mas tenha respeito (e muito cuidado) com o que vc faz. Você pode acabar com a corrida de outra pessoa sem que ela merecesse.

E isso me deixou extremamente triste, desapontado, frustado e envergonhado. Pedi desculpas aos 2 pilotos e, como tive culpa nos 2 acidentes, provavelmente serei punido.

É a vida (e as corridas....) Até mais.

Edit: não pensei, de início, que o "Diário de um piloto virtual" poderia ser tão interessante... rs Obrigado pessoal. A minha idéia inicial era apenas contar minhas desventuras no mundo do AV (Automobilismo Virtual). A partir de agora, sempre que eu puder, vou colocar algumas infos sobre os circuitos em que correrei, afinal sempre tem algum circuito que nós não conhecemos e muitos dos bons circuitos que não vemos mais na F1 e em outras categorias.

Felipão: depois de um tempo que me toquei disso, realmente a gente participando dessas provas nos sentimos verdadeiros pilotos. Este post eu fiz ainda como "piloto". Agora neste instante como "blogueiro" (a gente fica com várias "personalidades" diferentes, né...rs), vejo que realmente isso poder ser muito interessante. Quem sabe eu até abra um blog específicamente para o "Diário", fica registrada a idéia.

Fábio: vc é um picareta msm hein....kkk To dando risada até agora da sua tirada do Coulthard... rs. Qdo eu crescer (no AV) quero ser que nem ele.... hehe

Márcio e Diego: valeu pela força, realmente é um aprendizado constante. Um dia eu chego lá.

Vlw pelos coments galera!

Diário de um piloto virtual: alucinante, incrível, espetacular e ..... um 2º lugar.

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Olá amigos da velocidade, olá amigos da Fórmula Indy.

Pois bem, a pedidos farei a cobertura das minhas corridas online.... rs (vou tentar ser o menos egocêntrico possível, embora isso seja um tanto tentador.... hehe).

Falei muito do meu carro Intel no campeonato de Turismo. Acabei esquecendo de citar que domingo tive prova pela Indy, no circuito canadense de Edmonton ...





De tanto treinar, acabei pegando o jeito da pista (que por suas características, só poderia lembrar Cleveland, mas Edmonton é muito mais chata que ela, por ter um miolo travadíssimo.

No pratice tive problemas com meu pc, a qualidade da imagem caía muito e as imagens ficavam meio que em "Slowmotion". Reiniciei o pc a tempo de ir para o qualify. Consegui o 4º tempo (valeu muito estar treino há 2 semanas naquela pista).

Dessa vez larguei direito, em um grid onde o 2º e o 3º eram da minha equipe. O que estava em terceiro foi tocado na largada e eu assumi sua posição. Seriam 58 voltas de muita emoção....rs

O primeiro colocado andava muuuuuuito mais que todos (voltas em 1.03.xxx enquanto todos nós 1.04.xxx - eu msm só conseguia 1.05.xxx, rs). Até que veio a primeira rodada de pits. Quase todos foram por volta da volta 20. A pista era uma devoradora de pneus. Eu arrisquei e fui em frente, parando só na volta 30. Nisso já estava em segundo lugar , mas fazendo uma estratégia de apenas 1 pit "sem querer querendo"(depois explico melhor) e com tanque chei, 2 voltas a mais do que as 28 que restavam, eu seria superado pelos outros. E foi o que aconteceu.

Rapidamente os ponteiros me alcançaram, poucas voltas após o meu pit e eu facilitei a ultrapassagem (estava em outra estratégia mesmo). Até retardatários tirando volta de mim eu deixei passar, eu andava num ritmo suficiente para não desgastar muito os pneus, o que era fundamental para uma única parada.

No final da prova eu estava em 4º novamente, com meus 2 companheiros de equipe em 2º e 3º, igual à largada. Na antepenúltima volta, meu spotter fala que eu precisaria fazer um splash and go para concluir a prova. Eu tinha forçado um pouco o ritmo para manter minha 4ª posição e aquelas 2 voltas a mais foram pro espaço. Na última volta, à 3 curvas e uma reta do final, fiquei sem pressão de combustível. Fiz o grampo e a pequena reta antes da chicane final com aceleração máxima. Quando passei na chicane acabou o combustível....kkkkk e tinha mais uns 400 metros de pista. Fui me arrastaaaaaaaaaaaando até a linha para completar hein.... 2º lugar !!!! haha

Meus 2 companheiros tiveram problemas, um ficou sem combustível antes de mim e o outro cometeu um erro e ficou preso numa caixa de brita. Enfim, em uma corrida sem erros, sem rodadas e sem toques, arrisquei sem querer em apenas 1 pit (pq qdo parei me atentei ao fato de estar com tanque cheio e dar pra ir até o final, nessa hora soh pensei em poupar os pneus e por isso meu ritmo mais lento), contei com a sorte que o Hamilton teve durante todo o ano na F1 e consegui meu primeiro pódio e logo com um 2º lugar na minha segunda prova online.... rsss

Dessa vez valeu o esforço. Amanhã terei corrida na categoria turismo, agora sim com meu carro da Intel no circuito de Lime Rock (para quem não lembra, o circuito favorito de Paul Newmann).
Ah, agora vou entrar numa mini maratona de provas (amanhã Turismo e domingo Indy de novo - no oval de Kentucky). Na semana que vem volto com as atividades normais do blog.

Até mais pessoal!

Diário de um Piloto Virtual: Capítulo 2 - Ampliando os Horizontes

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Olá amigos da velocidade, olá amigos da Fórmula Indy.

Ando sumido nos últimos dias, não é mesmo? Bom, alguns probleminhas de saúde (nada grave, eu sobrevivo....rs), a correria de inscrição e coleta de material para os estudos de mais um concurso e, principalmente, as corridas virtuais (o motivo principal deste post) ocuparam muito do meu tempo nos últimos dias.

O piloto virtual que aqui vos fala está no meio de uma "turbulência básica". A liga do campeonato da Fórmula Indy em que fiz a minha estréia nas pistas virtuais está praticamente acabada e correndo seríssimo risco de não acontecer no ano que vem (uma pequena sensação de dejá-vu paira no ar, não acham? Qualquer semelhança com a extinta Champ Car é mera coincidência..)
A única opção seria partir para outro campeonato, este feito com base num dos games do momento, o Rfactor. Mas temos um porém: é necessário adquirir licença para poder usar o game online. Ainda não fui atrás de maiores detalhes mas, sinceramente, não estou muito a fim de ter que passar por uma nova readaptação: novo game, nova jogabilidade, novos carros, nova equipe, novos companheiros....

Melhor eu continuar no Nascar 2003, o qual eu gostei muito. E nisso, a grande novidade. Grandes amizades nascem em campeonatos online. Um dos meus companheiros de equipe na Indy me apresentou uma liga em que disputam campeonatos com carros baseados no mundial de WTCC (Turismo), o que achei bem legal. Fiz um teste e adorei essa nova versão.

E veio novamente todo o processo: cadastrar no site da liga, cadastrar no fórum da liga, criar seu piloto, baixar o mod, atualizações, carsets e por aí foi. Mas desta vez algo de novo apareceu: como novo integrante eu deveria entrar em uma das equipes já existentes ou criar uma nova para eu mesmo poder correr. Tentei a primeira alternativa mas, sem sucesso, acabei indo para a segunda.

Nascia aí a DRT - Dragon Racers Team (rsss, eu sei é cada nome que a gente inventa.... kkkk). Equipe criada e dono e piloto já cadastrado, era a hora de fazer meu carro. Dentre várias opções (desde Mitsubishi Lancer até Corvette) sobrou para eu andar de Toyota Supra (relembrar meus tempos de Gran Turismo, vários Need For Speed.... bons tempos).

Template do carro baixado, era a hora de mãos à obra: Photoshop 6.0 (que por muita sorte eu tenho no micro do meu serviço - mas que fique bem claro, eu trouxe ele para meu pc de casa e não fiz nada por lá hein....rs) e muita força de vontade para mexer em um programa que eu nunca achei muito "simpático". E não é que eu consegui? rs Nem é aquele monstro de 7 cabeças que eu achava. O resultado você pode ver abaixo:



Bom daqui a pouco às 22:00 hrs vou ter mais um treino livre para a corrida que será realizada na quarta feira da semana que vem..... Vai ser a estréia deste meu carro: o #17 Intel/Samsung DRT Supra (nome pomposo igual aos de Fórmula 1 hein....kkkkk).

Aguardem o próximo capítulo.

Até mais.

Fala Blogueiro: Uma espiada por cima do muro PARTE 2

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Olá amigos da velocidade, olá amigos da Fórmula Indy (e porque não da F1....)

Faço questão de expor minha visão da prova de encerramento da temporada 2008 da F1, antes de ler os outros blogs (não é egoísmo, é apenas para manter minha opinião intacta).

Realmente foi uma prova alucinante. Interlagos, com o seu chove ou não chove, pista molhada de um lado pista seca em outro lado (engraçado, foi exatamente por essas e outras que eles mudaram a data da prova do começo do ano (dilúvios de verão) para a primavera paulistana (será que eles se esqueceram do efeito estufa, El Niño, instabilidade do tempo em São Paulo....) Enfim, deu na mesma e foi o que vimos na prova de ontem.

Felipe Massa fez (muito bem por sinal) o que era necessário e o que era possível para ele. Ganhou de ponta a ponta o GP do Brasil. Corre bem, não deu a menor chance para os outros. Apenas sofreu um pouco de pressão de Sebastian Vettel (como corre esse alemão hein, se bem que depois do show que ele deu em Monza também na chuva, já podia se esperar um bom desempenho dele na chuva de Interlagos).

Alonso demonstrou a evolução da Renault e terminou em segundo, atuando discretamente como escudeiro de Massa. Tomara que a Renault dispute com a BMW o posto de 3ª equipe no ano que vem. Raikkonen, em mais uma corrida burrocrática, fez um 4º lugar completamente sem graça.

E o "negão" Lewis Hamilton correu com o regulamento embaixo do braço, correu o suficiente para estar entre as 4ª e 6ª posições (a Mclaren estava realmente ruim ontem hein, não era blefe). Contou com o azar do Glock também para conquistar seu título.... Que coisa.

Mas realmente, na minha opinião, seria uma tremenda injustiça se Hamilton não levasse o título. Correu sem cometer os erros gritantes de outrora e também durante toda a temporada (salvo uma patacoada ou outra). E também contou com a regularidade e a confiabilidade da Mclaren-Mercedes. Concordo que quem tirou o título do Massa não foi ele, e sim a Ferrari.

E é isso, deixo as análises profundas para os especialistas. Eu sou apenas um fã de automobilismo que curte ver a F1, não com a mesma vontade de antes, mas ainda assisto....rs

Até mais.