Grid de Largada para o GP de Detroit

sábado, 30 de agosto de 2008

Olá amigos da velocidade, olá amigos da Fórmula Indy.

Hoje finalmente consegui acompanhar como é o treino classificatório para circuitos mistos na Indy. É difícil acompanhar por vários motivos: o horário não é dos melhores (hoje o treino começou bem na hora do almoço), o treino é demorado (leva quase 2 horas) e não passa na TV aberta (se eu tivesse TV a gato seria ótimo, mas consegui me virar vendo via internet, ufa!)

É interessante o formato dos treinos que a Indy adotou neste ano: os pilotos são divididos em 2 grupos. Cada grupo corre por 20 minutos e os 6 melhores de cada grupo passam para a próxima rodada. Estes 12 pilotos correm por mais 15 minutos e passam 6 para a "super classificação" da Indy (comparando com a F1). E estes 6 finalistas disputam a pole, em 10 minutos.

Para o final do treino de hoje (conhecido como Fast-6 por quem acompanha a Indy) foram Scott Dixon, Hélio Castroneves, Justin Wilson, Oriol Servia, Graham Rahal e Ryan Briscoe.

E no final deu Scott Dixon novamente e, desta vez, sobrando frente aos adversários. Nada mais que quase 5 décimos a frente do Hélio e quase 1 segundo na frente de Oriol Servia, terceiro colocado. Ao menos, Hélio não deverá ficar chateado, pois disputou "pau a pau" com Dixon todos os treinos livres. Deverá lamentar é que seu companheiro de equipe estará largado atrás, apenas na 6ª posição e desta vez parece não ter condições de contar com a ajuda de seu companheiro.

Nas demais posições, novamente a Andretti Green decepcionou com Tony Kanaan apenas em 8º e Danica Patrick em 10º. Ambos andaram entre os 5 primeiros em todos os treinos livres.

Após os treinos, os principais pilotos deram suas entrevistas. Vamos às principais:

Dixon elogiou o desempenho de sua equipe. "Nós nos orgulhamos em passar a maior parte do tempo em estratégia de time. Acho que ainda temos isso em nosso bolso, e nossa posição no pit [perto da saída] definitivamente nos ajuda durante a corrida". Esta foi a 6ª pole na temporada de Dixon.

Já Hélio disse que a diferença de quase meio segundo não reflete a realidade. "Temos um grande carro. Sabia que isso ficaria entre Scott e mim, mas infelizmente os tempos que se vêem lá não representam o que achamos que são", declarou Helio. "Mas tudo será bem próximo entre nós." E Hélio certamente estará confiante para a prova de amanhã, a qual não poderá deixar Dixon marcar 10 pontos a mais que ele, senão será o fim de suas chances matemáticas de título.

Tony estava extremamente decepcionado após o final do treino. Acreditava que seu carro poderia chegar no "Fast-6". "Detroit é uma pista bem particular em que, se você fizer uma mudança errada, você pode perder um segundo inteiro. O nosso carro esteve bem perto de conseguir ficar entre os seis, mas não rendeu o que esperávamos", comentou Kanaan. "Fizemos uma mudança errada e naturalmente ficamos fora da superclassificação. Isso foi definitivamente muito decepcionante". Realmente, todo meu otimismo com a AGR foi por água abaixo com esse resultado no treino oficial. Mas Tony tem grandes chances de fazer uma ótima prova, pois foi o vencedor no ano passado.

Os outros brasileiros foram mal: Vítor Meira em 13º (ele chegou a andar em 3º nos treinos livres e dizer que o carro estava bem acertado), Mário Moraes em 18º, Jaime Câmara em 22º e Bruno Junqueira em 24º (teve um problema na suspensão traseira, bateu na última volta lançada e por isso perdeu seus 2 melhores tempos), lembrando que Enrique Bernoldi (o melhor dos brasileiros após Hélio, Tony e Vítor) não está disputando a prova devido a uma fratura no polegar da mão esquerda (eu tinha dito que era no pulso esquerdo, desculpe o erro).

Agora é acompanhar a prova amanhã às 16:30 no Canal 21, Bandsports ou streamings na Internet e torcer para que Hélio consiga adiar o título de Dixon. E torcer por mais uma boa prova de Tony e Vítor.

Até mais.

fonte de imagem: www.grandepremio.com.br



Comments

3 Responses to “Grid de Largada para o GP de Detroit”
Post a Comment | Postar comentários (Atom)

Felipão disse...

Ahhhhhhhhh tudo bem...

acho que o Meira se recupera amanhã.;.

e grande performance do Serviá...

30 de agosto de 2008 19:50

Destaque pra as boas atuações das equipes da ChampCar,eles equilibram com os da IRL nos mistos...Dixon continua favorito e acho difícil ele perder esse título.Helinho tem que acreditar até o final.Tony e Vitor devem conseguir boas posições.Será uma boa corrida.

VoCê viu o Marty Roth,que desistiu de correr porque chapava o muro toda hora?

30 de agosto de 2008 19:52
Carolina disse...

Oiiie !!
Dei uma passadinha aqui pra conhecer o seu blog...
Ta mto legal, apesar d eu naum entender absolutamente nd d corrida e d carros...
srsrsrs!!

bjao
CaRoL

31 de agosto de 2008 11:05

Postar um comentário

Gostou do Blog da Fórmula Indy?
Deixe seu comentário e ajude a incentivar a Autosfera Brasileira!
I am Indy!