Dixon vence o GP de Kentucky, e fatura a 6ª vitória na temporada

domingo, 10 de agosto de 2008


Olá amigos da velocidade, olá amigos da Fórmula Indy.

E deu Dixon de novo. Dessa vez a vitória não veio fácil como das outras vezes. E isso Dixon sentiu na pele. Após dominar grande parte da prova (inclusive, levou os 3 pontos pelo maior número de voltas na liderança), Dixon não esperava que Hélio partisse para uma estratégia super-arriscada.

Na parte final da prova, todos os pilotos teriam que fazer um splash and go, pois não teriam combustível suficiente para ir até o fim da prova. Hélio, numa atitude surpreendente, entrou bem antes dos demais pilotos e fez seu splash and go, caindo para a 12ª posição.

Quando todos os outros pilotos entraram para fazer seus pits, Hélio foi para liderança a pouco mais de 5 voltas para o final. Dixon voltou em 2º com Marco Andretti (em uma ótima prova após a primeira parada nos pits, ele pressionou muito Scott Dixon durante toda a prova) em 3º.

Mas a estratégia foi arriscada demais, e Hélio corria o risco de uma pane seca no fim da prova. E foi o que quase aconteceu. Hélio teve que tirar o pé e Dixon o ultrapassou na última curva, a poucos metros da linha de chegada.

Castroneves ainda chegou em segundo lugar (seu 7º nesta temporada) e por pouco não foi ultrapassado por Andretti. Essa arriscada estratégia pode parece algo meio "desesperado" mas serviu para Dixon ver que Hélio ainda não desistiu do campeonato.

Em 4º lugar chegou Vítor Meira. Em uma ótima prova, sempre entre os primeiros, Vítor teve que lutar muito, mas não contra seus adversários, mas sim contra a própria equipe Panther. Explico melhor isso. Durante a corrida, Vítor sempre esteve entre os 5 primeiros, tinha carro suficiente até para pressionar Dixon, como fez em grande parte da prova, mas na hora dos pits.... A Panther tem muito o que melhorar, a cada pit que Vítor fazia, perdia 1 ou 2 posições para recuperar na pista. Mas no geral, foi um ótimo resultado para Vítor Meira.

Em 5º chegou Dan Wheldon, em uma corrida burocrática. Parece que Wheldon está preocupado com a possibilidade (cada vez maior) de ser dispensado por Chip Ganassi, que procura um piloto que ande melhor nos mistos (que serão quase 50% da temporada no ano que vem). Tentou Tony Kanaan e não conseguiu, vejamos o desenrolar dessa história.

Falando em Tony, ele terminou em 8º, em mais um dia infeliz para a Andretti Green. Só o carro de Marco Andretti teve um bom desempenho. Ao menos, Tony brigou por um bom tempo com Wheldon pelo 4º lugar. Tony parece ter levado seu carro a um lugar acima do limite que apresentava ontem. Dá-lhe Tony!!!

Os demais brasileiros, como era de se esperar, não foram bem. Falta experiência em ovais para suas equipes. Bruno Junqueira foi o 14º, Jaime Câmara o 16º e Mário Moraes o 17º. Enrique Bernoldi abandonou na volta 130.

Não podemos nos esquecer de Danica Patrick. Após largar em último, participar de várias disputas por posições, quase se enroscar com Sarah Fisher (que voltou após várias provas ausente), terminou num convincente 11º lugar. Valeu Danica!!!

Agora a classificação no campeonato tem Dixon com 558 pontos, 78 pontos a frente de Hélio (480 pontos). Em 3º está Wheldon com 420 e Tony vem em 4º com 411. Danica é a 6ª com 315.
Vítor é o 12º com 275.

Faltam 3 corridas para o fim da temporada e parece improvável que Dixon perca o título. Mas vale a pena continuar acompanhando pelas demostrações de garra e ousadia de Hélio e Tony. E torcer para que Vítor e Danica tenham melhor sorte nas próximas provas.

Classificação Final da Prova


geração de imagens: grandepremio.com.br

Comments

One response to “Dixon vence o GP de Kentucky, e fatura a 6ª vitória na temporada”
Post a Comment | Postar comentários (Atom)

Acho que ninguém mais tira o título do Dixon.Helinho foi ousado com a estratégia mas por uma volta ela não deu certo,pela sétima vez segundo colocado,e deve ficar em segundo no campeonato também...Vitor Meira ficou em quarto,eu sempre torci muito por uma vitória,e ela nunca chega!caramba!E a Danica caiu muito de rendimentos de umas corridas pra cá,e agora com circuitos mistos,vamos ver se ela melhora,mas é difícil...

abraços

10 de agosto de 2008 14:46

Postar um comentário

Gostou do Blog da Fórmula Indy?
Deixe seu comentário e ajude a incentivar a Autosfera Brasileira!
I am Indy!